La mode...la mode


Portugueses e portuguesas,
venho por este meio solicitar a v. ex.ªs que se olhem pelo menos duas vezes ao espelho antes de sairem de casa. Vamos a ver: uma coisa é moda, outra é parecerem uns tolinhos, para além de se topar à légua a pouca comodidade com que circulam nas urbes e aldeias deste singelo país.
Sim, o da tv tem um cabelo a imitar a crista de um galo, e depois? Se fosse a imitar o rabo de um porco, também usavam?
Portugal é um melting pot de estilos mas há pessoas que adoram adoptar recursos da moda actual que são de bradar aos céus.
Como se já não tivessemos o culto da meia branca com a raquete [ou qualquer outro símbolo desportivo], a bela da t-shirt branca de cavas com um colar [ou mesmo mesmo vários a imitar o 50cent e outros rappers que por aí porliferam] ou o belo do fio de ouro com a cruzinha... nas versão feminina a menina de calças curtas que não se apercebe que ficam realmente mal com o botim a ver-se e que se escangalha toda porque não sabe andar de saltos, as mini saias, vulgo "cinto" [que por muito que vos agrade meninos, há que reconhecer que há pernas que merecem um paninho assim, outras que deviam ter o reposteiro da sala a cobrirem-nas até ao chão] que usadas a acompanhar com a bela da sandalocha de plataforma de cortiça de 10cm de pura pirosice e equilíbrio [onde foram desencantar a ideia da cortiça?...]...
E eu podia estar aqui meia hora a divagar da falta de sense of style dos tugas; sim, porque hoje em dia, só quem não quer é que não se veste decentemente e com gosto. Não falo em marcas, não falo em peças caras, hoje em dia em qualquer feira ou loja-de-carneirada[Zara, C&A, entenda-se...] encontram peças de roupa bonitas a preços acessíveis.
Assim, caros portugueses, olhem bem para os vossos armários e cómodas e não se acanhem de explicar à vossa amiga, que comprou uma camisola lindérrima mas que é 2 números abaixo do seu, que gostam mais dela a sentir-se confortável do que a suster o ar, encolher a barriga e rebolar os olhos pela roupa lhe estar apertada.
A gerência agradece.

ps- Mais uma coisa: Portugueses, tenho uma notícia a dar-vos: O Euro já acabou!
Sim, o Euro2004 já acabou! Que tal tirarem a bandeira nacional[neste momento está verde claro e salmão] descolorada e esfarrapada da janela e da varanda? (a sério, é que acabou mesmo, não estou a brincar!)

17 comentários:

Rain disse...

Às vezes pergunto-me se algumas miúdas não vão torcer o pé se caírem daquelas altura fenomenal, em cima daqueles saltos. Uma vez estava a passear na rua e apareceu uma moça montada numas botas com o salto até ao meu joelho e passou um homem que se virou e disse: "A menina é baixa, hem?". Gostei, só tive pena dela a seguir não ter tropeçado para ver o que acontecia..

Na verdade, eu sei que não é moda porque é usado desde os tempos do meu bisavô, mas eu não gosto mesmo NADA de ver os homens de tanga na praia.. a sério, não usem! Por favor.

Nilson Barcelli disse...

Estás a ser injusta com os portugueses e as portuguesas.
Tenho visto muito pior em várias cidades europeias. Acho, por isso, que não vamos à frente em matéria de vestir mal.
Não seremos os melhores a vestir, mas também não somos os piores. Estaremos a meio da tabela.
De qualquer modo o que dizes é tudo verdade.
Beijinhos e bfs.

Ana disse...

Realmente há estilos que chocam qualquer um mas não te podes esquecer que as pessoas não têm todas os mesmos gostos quer seja em relação a modas quer em relação a qualquer outra coisa! Se tal acontecesse era ver tudo a usar as mesmas roupas, a ler os mesmos livros, a comer nos mesmos restaurantes, etc, etc ,etc!

alfinete de peito disse...

Esqueceste-te duma moda que ainda pega muito em Portugal, que é os executivos que não conhecem outras cores de fato para além do cinzento escuro e azul com camisa branca. Será que não sabem ser mais dinamicos, em vez de se acomodarem por detrás da massificação do tecido executivo Português?

Post bastante pertinente, já me tinha questionado várias vezes com a falta de gosto dos tugas para se vestir.

Vestir bem não é vestir roupa cara.

Temos dito.
Ass: Alfinetes de Peito

Anónimo disse...

Ohh rapariga.. :) Sim por um lado tens razão, mas também acho que nos dias de hoje já não se liga assim tanto à moda. Penso que o que "estragou" tudo, foi essa horrível cultura e estilo de vida "Morangos com Açucar" que tanto esta adolescência se deixa levar - it sucks! lá é tudo tão belo e fácil..enfim. Qualquer das formas essas peseudo cristas à beckam e esses brincos enormes à baloiço de piriquito qualquer dia chegam ao fim, como todas as modas e aí sim se nota que este país "veste" o que se vê mais na rua.
Eu continuo a preferir as minhas tshirts todas brancas, sem marca e as minhas calças pretas :p

Frederico C.

Ana, dona do café disse...

nilson, ao fazer este post mencionei os portugueses mas podia ter falado de muitos outros países onde isso tambem acontece... falei de Portugal por ser o país onde estamos, ou seja, podemos constatar isso em qq lado...pelo que observei presencialmente dos franceses e luxemburgueses também daria um post e pelos filmes ou reportagens que vemos haveria pano pa mangas sobre outros países... :P *

Ana, não estou a dizer de maneira alguma que as pessoas se deviam vestir todas da mesma maneira, em lado nenhum no post digo tal coisa...
Aliás, pelo contrário, até dou a ideia de haver tanto sítios com roupa tão diversificada a preços diferentes com estilos diferentes que hoje em dia só não se veste bem quem quer. Não estou a dizer que digo mal de um hippie ou de uma beta, ou tão pouco a condenar qq grupo que se veste de acordo com o seu gosto!
Estou a dizer é que há muita gente que se veste para imitar "os outros", para adquirir uma certa identidade grupal, para se inserir numa certa moda imposta pelo que se vê na tv ou por o amigos usarem... o resultado não é a uniformidade do seu estilo de roupa para se incluírem nesses grupos mas sim, uma falta de gosto pois usam roupas que de cómodo não têm nada, fazem uma má combinação do que se usa, de maneira até a que o resultado seja absolutamente o oposto...!
Não estou a falar de estilos que chocam ou que me fazem pensar "não percebo porque a maria usa rastas ou porque a carolina usa saltos altos", acho que percebeste mal o que escrevi. não apontei o dedo ao gosto próprio de cada pessoa[aliás, cada um sabe de si e deus sabe de todos], apontei o dedo a quem tenta forçosamente estar "na moda" por arrastamento mas que se esquece de se olhar ao espelho antes; prefere andar com as calças de ganga,as botas e a camisola da moda mesmo que as calças de ganga não a favoreçam minimamente, se escangalhe toda por causa das botas e a camisola seja apertada e incómoda mas usase assim... desculpa mas não considero isto gosto próprio, mas sim "vou usar porque está na moda e é para os outros verem que estou na moda como eles também"..e sim, essa pessoa sente que não´está de maneira alguma cómoda com a roupa que usa, as botas fazem-na tropeçar, as calças sao mt justas, a camisola devia ser dois numeros acima, mas...
percebido?
beijo

Ana disse...

Ou seja, é falta de sentido estético...
Percebido!
Beijo

Wakewinha disse...

Oh rapariga que me puseste a rir tanto sozinha agora.... (lololol)

Acho que apesar de todas as piroseiras, muitas das coisas que são pirosas, só o são realmente porque as pessoas não as usam com convicção!

Convenhamos: a JLo nem sempre veste muito bem, mas como tem pinta pela atitude que escolheu, ninguém repara se fica ou não bem! Faz parte do estilo... E por isso por vezes temos pessoas que até nem vestem tão na moda, mas chamam a atenção pela forma de andar, de estar, de rir, mostram segurança de outro jeito...

Agora lá está: à meiinha branca com as raquetes, já ninguém a salva!!! (lololol)

Quanto às bandeiras, sugiro que estendas o teu apelo até ao belo do colete amarelo no banco do acompanhante, porque um dia destes está verde escuro! ;)

Beijinho de bom fds*

Wakewinha disse...

Ah, que ninguém entenda pelo comment anterior que eu gosto da JLo! Pessoalmente não admiro o seu trabalho, mas reconheço que enquanto pessoa chama a atenção! Foi nesse sentido que eu quis dizer... ;)

Andreia disse...

Ana pensa assim...o que seria daquelas risadinhas a duas no meio do Dolxe Bitah (vulgo, centro comercial onde se enfiam as milhares de pitas que habitam esta cidade e a carneirada que quer mostrar os modelitos pirosos)?

É assim, eu não abro mão pah...lol

Tem muito a ver no fundo com a maneira como as pessoas se vêm...o top que fica fantástico à vizinha do 1ºdireito pode ficar de morrer a ela, mas a si não.
O mais importante é que se sintam confortáveis, não só com o que vestem, mas com o que são e como são.

ŖąŧŏŋČļąŵş disse...

Bem... Em relação às vestes... Pessoalmente acho que quanto mais discreto melhor! Aqui (Portugal) e em todo o mundo...

Em relação às bandeiras: É por essas e por outras que os pirosos dos Norte Americanos conseguem ser donos do mundo... São nacionalistas 365 dias por ano, durante toda a vida! É dificil passar por uma casa (mesmo no cantinho mais escondido do Alasca)que não tenha uma bandeira do país à porta! E nós? Nós somos nacionalistas quando nos apetece, ou porque simplesmente é moda ser nacionalista! Foi preciso vir um brasileiro com umas ideias malucas e um tal de Marcelo reforçar essas ideias num jornal da TVI para o D. Sebastião que há em nós renascer e vir para fora com toda a força! PORRA! Ou somos ou não somos... Agora, não inventemos! Se as pessoas que tu falas ainda têm as bandeiras nas varandas por nacionalismo... Muito bem! Que continuem... Censuro-as (aliás, não as censuro) menos do que aquelas que as guardaram e esperam agora pelo mundial de 2006! Se foi por esquecimento... Que se lembrem que estão a lidar com um dos simbolos máximos da nação (o outro é o Hino Nacional)!

PS.: Por falar em Hino... Quando ele toca algum de vós se levanta em sinal de respeito para ele? Duvido que o façam... E fiquem sabendo que a Constituição Portuguesa nos obriga a isso.

PS. 2: Não... Não tenho nenhuma bandeira verde clara e salmão na minha varanda!

Saudações Portuguesas!

João Mata

Teoriazita disse...

eu sou afavor de manter a bandeira na janela, na varanda, eu sei lá... pq é q só podemos ser patrióticos p causa de futebol?

Ana, dona do café disse...

entao pq é que desde sempre as bandeiras não estiveram sp em varandas e janelas? é preciso vir o euro pros tugas se lembrarem que são patrióticos? Comigo não cola :P beijo

Del Giorgio disse...

qto a modas digo: cago nisso!

ratonclaws: "PS.: Por falar em Hino... Quando ele toca algum de vós se levanta em sinal de respeito para ele?"
a Dona do Café é testemunha q no último jogo Tugas x Liechtenstein, eu tava a jantar num restaurante cheio de gente e fui o único a levantar-me qdo começou o hino. do Liechtenstein claro :PP

qto às bandeiras, isso, tirem-nas todas! eu só n tiro a minha pq n cheguei a arranjar uma da Grécia senão ainda cá a tinha!!!

Anónimo disse...

Oh priminha, tens razao em muitas das coisas que dizes, e que a modinha dos morangos cm acucar ja e abuso, tal como todas as outras. Os mais frageis e influenciaveis sao os adolescentes, como tu sabes. Quem ja nao invejou ou quis igual aquela roupa girissima que aquela ou aquele usa na tv?é muito giro criticar e fazer grande texto a lancar observacoes. Prefiro acreditar que este texto foi feito com o intuito de falar no sentido estetico dos portugueses. Agora falando doutra coisa, custa-me acreditar que, so com os morangos com acucar é que começam a dar credibilidade a certas culturas, estilos, enfim, (esta treta de fazer graffitis e ouvir rap, ja existe ha algum tempo, como todos sabemos, claro) as vezes mandam cada calinada a cultura hip-hop, que ate me chega a dar um aperto no coraçao.

bjs*** MMD

UnaRagazza disse...

Lolada!!!
É que às vezes apetece mesmo dizer isso a alguém!! Chega a ser inacreditável a figura que algumas pessoas fazem. Não critico em relação à roupa em si, mas ao mau estar visível com que as pessoas as usam! A questão é: então porque é q as usam?? Porque está "na moda"? Por amor di Dios, my people!!! A moda somos nós que a fazemos... Sou da opinião que o encanto da moda está na atitude!
Fartei-me de rir com o teu post!! :)

Anónimo disse...

Tanta critica tanta critica...o mal dos portugueses é mesmo esse, é k só sabem criticar. Minha cara se te incomoda a maneira como as pessoas se vestem, terás primeiro que ver a tua já que tantas delas podem achar o mesmo dos teus trapinhos.
Eu acho que cada pessoa deve vestir o que gosta e como se sente bem sem se preokupar com os olhares indiscretos desta gente mesquinha...
Ai vemos logo a diferença entre aqui e Londres...eu a pensar que só as pessoas de mais idade inda usavam palas mas tou a ver que na ficas atrás.
Em vez de reparares tanto no que as pessoas vestem vê o teu.